fbpx

10 perguntas e respostas sobre a área Fiscal

Primeiramente, os concursos fiscais são cercados de surpresas, pegadinhas e dúvidas. Por isso, hoje trouxemos 10 perguntas e respostas sobre a área Fiscal.

Muitas vezes, um candidato deixa de se inscrever em um concurso da área por achar que não tem as qualificações necessárias, por exemplo.

Mas, você sabia que a maioria dos concursos fiscais aceitam candidatos com formação superior em qualquer área? Isso mesmo! Não é só Contabilidade e Direito, não!

E isso é só uma das perguntas sobre a área Fiscal que viemos esclarecer hoje com respostas. Vamos ver?

hoje trouxemos 10 perguntas e respostas sobre a área Fiscal

Hoje trouxemos 10 perguntas e respostas sobre a área Fiscal (Foto: Freepik)

10 perguntas e respostas sobre a área Fiscal

O que é a área Fiscal?

De antemão, a responsabilidade da área Fiscal é realizar a fiscalização do cumprimento de legislações, como as tributárias e trabalhistas, por pessoas físicas e jurídicas.

Por exemplo, o Imposto de Renda, o IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano), e o ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços) são alguns dos alvos da área Fiscal.

Somente pessoas formadas em Exatas podem fazer concurso para a Área Fiscal? 

Não. Pensar isso é um dos erros mais comuns. A maioria dos concursos da área Fiscal exige apenas o diploma de nível superior em qualquer área de formação.

Assim, pode ser um auditor-fiscal qualquer pessoa que possuir algum tipo de graduação, como bacharelado, licenciatura ou tecnólogo.

Porém, algumas áreas de formação, como Contabilidade e Direito, podem oferecer uma base melhor para os estudos, por possuírem em sua grade algumas matérias que costumam cair nesse tipo de concurso.

Mas isso não quer dizer que, se você não tem essas formações, deva desistir da carreira.

Quais os cargos possíveis para a Área Fiscal?

Na área Fiscal, a maioria das vagas são para fiscais. Geralmente, os cargos mais comuns são os de Auditor-Fiscal, que pode ter outras nomenclaturas como: Fiscal de Rendas, Fiscal Tributário e Agente Fiscal em alguns estados e municípios.

Apesar dos nomes diferentes, as atribuições são sempre similares. Você sabia disso?

Existe ainda o cargo de Analista Tributário, na instância federal. Esse profissional auxilia o auditor em todas as atividades inerentes à fiscalização.

Geralmente, as matérias para Analista Tributário são em menor quantidade que as de Auditor-Fiscal.

Qual a remuneração para a Área Fiscal?

Os altos salários são os principais atrativos da área Fiscal. Em média, os salários de um auditor-fiscal da Receita Federal, giram em torno de R$ 20 mil até mais de R$ 30 mil no topo da progressão da carreira, por exemplo.

Os salários de fiscais estaduais ficam em tono de R$ 15 mil e R$ 20 mil.

E os salários de fiscais municipais podem ser um pouco menores, variando bastante do município para o qual você está concorrendo a uma vaga, mas não costumam ser menores do que R$ 10 mil.

Quais os principais concursos da Área Fiscal?

A variedade de concursos na área Fiscal é muito grande, o que deixa essa área ainda mais atraente.

Dentre os principais concursos da área estão: Fiscal da Receita Federal, Fiscal do ICMS, Fiscal do ISS e Fiscal do Trabalho.

Quais matérias estudar para um concurso na área Fiscal?

Os concursos da área Fiscal são conhecidos pela vasta quantidade de matérias cobradas e, por isso, são também uns dos concursos que mais exigem estudos.

Dentre as matérias básicas, temos:

Matérias área Fiscal

Quais são as matérias mais cobradas nas provas discursivas da Receita Federal e demais concursos da área Fiscal?

Geralmente, são Direito Tributário, Legislação Tributária, Auditoria e algumas vezes Administração Pública também.

Fazer muitos simulados ajuda a passar em concurso para Área Fiscal?

Sim, mas não só isso.

Antes de tudo, o mais importante é estudar cada matéria, ler muitos livros sobre os assuntos dos editais e fazer questões, muitas questões, mas não somente de simulados.

Ou sejam, os simulados são importantes sim, mas para você aprender a administrar o seu tempo. O que mais pega em concursos fiscais é a administração do tempo de prova. E fazer simulados vai te ajudar nessa questão.

Se eu for iniciante em concursos, devo começar tentando passar para auditor da Receita?

O ideal é começar estudando para analista da Receita. O concurso de analista da Receita tem uma matéria um pouco mais enxuta que o de auditor.

No entanto, o último concurso para analista da Receita Federal foi em 2012. Logo, isso indica que não é um concurso que acontece com frequência.

Por isso, se você concluir seus estudos para analista da Receita e ainda não tiver nenhum concurso aberto para o cargo, a dica é expandir seus estudos para cargos de auditor em outros órgãos. Seja municipal, estadual ou federal.

De preferência, comece por concursos de prefeituras. Aos poucos, você irá adquirir um conhecimento maior para voos mais altos.

É melhor estudar através de videoaulas, livros ou PDFs?

De início, videoaulas e PDFs sempre serão a melhor opção. Isso porque são mais fáceis de serem atualizados. As videoaulas tem um formato mais dinâmico e os PDFs são os “livros” que não foram para a gráfica.

Geralmente, possuem uma leitura mais simples e, por isso, se tornam mais rápidos de serem lidos, também.

Então, essas eram algumas das suas dúvidas? Ficou com mais? Nos envia aqui nos comentários do post que vamos te responder.

Nossa equipe de especialistas da área Fiscal está esperando por vocês!

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *